Arquivos de sites

Rapel em Bonito – Aventura nas alturas

Esporte. Adrenalina. Hobby. Aventura. Tudo isso reunido em uma só atividade: O rapel. Imagine-se agora descendo com equipamentos de segurança por uma linda montanha. Ao descer, você pode ver lindas paisagens que se tornarão inesquecíveis em sua memória.

Bonito tem ótimos lugares para se praticar essa linda atividade. Ao praticar, você verá paisagens históricas que encantarão seus olhos. Veja alguns exemplos:

Boca da Onça – O rapel Boca da Onça é pura adrenalina e emoção. Considerado o mais alto rapel de plataforma do Brasil com uma descida de 90 metros de altura. O Cânion do Rio Salobra é o cenário perfeito para a prática do rapel. Ele é considerado um rio cênico protegido por lei e um dos berçários dos peixes do Pantanal.

Abismo Anhumas – Uma caverna situada no subsolo onde o único acesso se faz através do rapel negativo com descida de 72m. A profundidade do lago varia de 15m a 80m, onde pode ser praticado flutuação ou mergulho autônomo (para quem tem credencial de mergulho básico). Um dia antes, é realizado um treinamento para ensinar os procedimentos do atrativo.

Você vai amar quando conhecer esses e outros lugares em Bonito-MS. Acesse também http://agenciasucuri.com.br.

Opções de turismo em Bonito

Muitos que pesquisam sobre a cidade de Bonito veem bastante a respeito das paisagens que são encontradas na região. Mas eles muitas vezes se perguntam quais são as atividades que são realizadas nesses atrativos. A Agência Sucuri preparou um breve descritivo de alguns atrativos de Bonito:

Flutuações: Em sua viagem para Bonito, você vai se deparar com um rio mais límpido do que o outro devido a estarem muito bem preservados, os quais oferecem a oportunidade de praticar flutuações.Os turistas utilizam máscaras com um tubo acoplado (snorkel) que lhes permitem ficar com os olhos abertos e, assim, verem tudo o que se move dentro dos rios.

Cachoeiras: Uma fascinante caminhada em cenários mais belos e paradisíacos da região que permite observar diversos animais e árvores. Passa-se por várias cachoeiras ornamentais, piscinas naturais e pequenas grutas submersas.

Rapel: atividade vertical praticada com uso de equipamentos adequados para a descida nos atrativos.

Balneários: Muitos peixes, lindas cachoeiras fazendo parte do cenário, carretilha, quadra de areia, restaurante, redário, locação de quiosque com churrasqueira, aluguel de equipamentos, máscaras, coletes e redes. Geralmente não é necessário guia de turismo local.

Esportes locais: outra atração de turismo na cidade de Bonito MS são os esportes terrestres e aquáticos como andar à cavalo, pedalar, flutuar sob águas refrescantes, fazer trilhas, descer na tirolesa, visitar cachoeiras, andar de quadriciclo e muitas outras opções de lazer.

Além de tudo o que foi mencionado acima, você ainda poderá se aventurar grutas adentro e se deparar com majestosas formações rochosas milenares.

Acesse também http://agenciasucuri.com.br para mais informações.

Conheça Bonito – A Capital do Ecoturismo

A cidade de Bonito faz jus ao seu nome. Um lugar lindo que apresenta tantas variedades de lugares para todo o tipo de passeios. Veja alguns exemplos:

  • No Rio Sucuri, o visitante começa a caminhada de 15 minutos, conhecendo a nascente do Rio Sucuri e apreciando a fauna e flora locais, com paradas em mirantes em meio à mata ciliar. Em seguida, começa a flutuação nas águas cristalinas com diversos peixes e exuberante flora subaquática.
  • Mas se você não gosta muito de água, na Gruta de São Mateus o visitante pode apreciar um museu, onde encontra-se móveis antigos e outros artefatos da região, além de réplicas de alguns animais. Logo após, o turista é encaminhado para a trilha, passando por uma ponte pênsil e em seguida um percurso de aproximadamente 1300 metros para chegar até a caverna. Dentro da gruta, há formações rochosas diversificadas, como estalactites e estalagmites, com cores diferenciadas.
  • Mas, se você quer sentir realmente muita adrenalina, com certeza gostará do rapel no atrativo Boca da Onça. É considerado o mais alto rapel de plataforma do Brasil: uma descida de 90 metros de altura plena de emoções. Os paredões verticais do cânion são maravilhosas formações rochosas esculpidas há milhões de anos pela força da água e abrigam grutas inexploradas e locais desconhecidos.

Todos esses lugares e muitos outros você poderá encontrar na região de Bonito. Venha conhecer! Para isso, conte com a ajuda da Agência Sucuri! Acesse também http://www.agenciasucuri.com.br e venha contemplar as belezas de Bonito!!!

15 razões para conhecer Bonito

Rios de águas cristalinas, cachoeiras e piscinas naturais paradisíacas, grutas conservadas que escondem algumas das maiores belezas naturais do Brasil, povo hospitaleiro, comida boa, hotéis e pousadas aconchegantes. Bonito é, sem dúvida, um dos lugares mais perfeitos do Brasil.

Não é à toa que todos os anos turistas do mundo inteiro vão ali para ficar em contato constante com a natureza, se divertir e relaxar. Se você ainda tem dúvidas se vale, realmente, a pena dedicar alguns dias – ou semanas – nesse paraíso no Centro-Oeste brasileiro, confira algumas dicas. Depois, é só arrumar as malas e ver como Bonito é até um adjetivo modesto para as belezas desse lugar.

1- Bonito é o melhor destino de ecoturismo do Brasil

Passeio de bote pelo rio Formoso

Já são incontáveis as vezes que Bonito foi eleito o melhor lugar do Brasil para se fazer ecoturismo. Isso sem falar dos prêmios como destino de aventura. E são todos merecidos. A cidade tem ótima infraestrutura para quem gosta do contato com a natureza. São trilhas no meio de matas e florestas, banhos de cachoeiras, mergulhos em águas cristalinas, passeios de bicicleta e aventuras em rios e corredeiras. Além das paisagens, que já ajudam muito, os cuidados e preocupações ambientais para manter toda essas belezas preservadas são levados a sério.
2- O rio Formoso é um dos rios de maior beleza cênica do mundo

O rio Formoso é o principal curso d’água de Bonito

Esse rio de águas cristalinas, cercado por muita mata e animais, faz um percurso de 100 km e garante boa parte das atrações de Bonito. Ao longo dele os visitantes podem presenciar cachoeiras e corredeiras que fazem a alegria dos aventureiros. Sem contar os trechos de águas calmas, boas para flutuar e nadar com a garotada. Um projeto de conservação e recuperação do rio, o “Formoso Vivo”, trabalha com agricultores do entorno para garantir a qualidade ambiental das águas.

3- Você pode flutuar em águas cristalinas

Flutuação no Aquário Natural

Máscara de mergulho, snorkel, roupa de neoprene e pronto. Você já está preparado para flutuar em algum rio calmo e tranquilo de águas cristalinas, onde se pode nadar na companhia de peixes e observar a água que brota do chão para seguir adiante e formar majestosos rios. Assim é a flutuação em Bonito, uma das atrações mais procuradas no cartão-postal brasileiro. Por não exigir preparo físico, a atividade é perfeita para todos os turistas que querem relaxar e curtir um momento silencioso e agradável com a natureza.

4- As cachoeiras crescem com o passar do tempo

Cachoeira da Estância Mimosa é uma das mais visitadas em Bonito

As cachoeiras de Bonito têm uma peculiaridade em relação a qualquer outra que você já conheceu: elas crescem ao longo dos anos. Isso mesmo, ainda que seja imperceptível em curto prazo, a solidificação do calcário presente na água faz com que as quedas aumentem um pouquinho a cada ano. Ou seja, além de exuberantes e perfeitas para banho, essas cachoeiras dificilmente vão desaparecer.

5- A maior cachoeira do Mato Grosso do Sul está aqui

Os 156 metros de altura da cachoeira Boca da Onça faz dela não só a maior queda d’água do Mato Grosso do Sul, mas uma das maiores belezas naturais do Brasil. Além de se refrescar nas piscinas naturais que a cachoeira forma, os turistas mais aventureiros podem curtir um rapel de 90 metros de altura em negativo, que proporciona uma vista única ao cânion do rio Salobra. Este é considerado o maior rapel de plataforma do país e ponto de parada obrigatório para quem curte muita adrenalina.

6- A gruta do Lago Azul é uma das maiores cavidades inundadas do planeta

A gruta do Lago Azul é um dos principais atrativos de Bonito

Se você perguntar a qualquer guia turístico de Bonito qual é o principal cartão-postal da região, provavelmente ele dirá “a gruta do Lago Azul”. A imagem já se eternizou como símbolo de Bonito. Suas águas azuis escuras são fascinantes. Há quem diga que a cor é pura ilusão de ótica por causa dos raios solares que entram na gruta repleta de estalactites e estalagmites. O enorme lago tem 90 metros de profundidade e faz da gruta uma das maiores cavidades inundadas do mundo.

7- A Serra da Bodoquena

Apesar do nome, a paisagem exuberante que cerca a cidade de Bonito não é uma serra, mas um enorme planalto que cruza os municípios de Jardim, Bonito, Bodoquena e Porto Murtinho e garante um dos cenários mais belos do Brasil. Desses imensos paredões surgem cachoeiras que fazem a alegria dos amantes do rapel, além das matas que proporcionam incríveis trilhas no meio da natureza. Aqui também passa o Parque Nacional da Serra da Bodoquena, uma das primeiras áreas federais de preservação no estado do Mato Grosso do Sul.

8- Bonito é o paraíso do mergulho autônomo

Mergulho na Lagoa Misteriosa

Os amantes do mergulho autônomo e, principalmente, do mergulho em cavernas, encontra em Bonito um dos melhores lugares do mundo para essa prática.

Lagoa Misteriosa, Abismo Anhumas e Gruta do Mimoso são alguns dos nomes famosos que fazem a alegria dos mergulhadores, que passam horas se dedicando a desvendar as águas azuis cristalinas da Serra da Bodoquena.

A atividade é ideal para quem quer esquecer o resto do mundo. Mas, atenção, a maioria dos mergulhos autônomos em Bonito exige certificações de mergulho dos visitantes.

9- Hospedagem para todos os gostos e bolsos

Resorts, hotéis, pousadas na cidade ou no meio da mata, campings e albergues. O que não falta em Bonito são boas opções de hospedagem que atendem aos mais variados perfis de visitantes. São desde acomodações cinco estrelas até modestos e baratos albergues com quartos compartilhados. O mais importante é que todos proporcionam o contato do turista com o que há de melhor em Bonito e ainda garantem um banho quente e uma cama gostosa para descansar depois de um dia de muitas aventuras.

10- Preocupação ambiental por toda parte

Os ambientalistas de plantão vão encontrar em Bonito um lugar perfeito. Afinal, é muito comum por aqui encontrar projetos de conservação, preservação e educação ambiental para adultos e crianças. Tudo isso para cuidar que Bonito continue sendo o paraíso que é. Na maioria das propriedades particulares que recebem turistas é possível conhecer projetos que vão desde a recuperação da fauna e da flora até a geração de emprego e renda para comunidades tradicionais da região.

11- Bonito está pertinho do Pantanal

Apenas 127 km separam Bonito do Pantanal sul-mato-grossense

Quem gosta de curtir ao máximo as férias e conhecer vários lugares em uma única viagem vai amar essa informação: Bonito está perto do Pantanal sul-mato-grossense, o que pode garantir mais fotografias e descobertas em uma única temporada pela estrada. Ao todo são 127 quilômetros que separam Bonito da maior planície alagável do mundo. Um convite e tanto para ficar mais um tempinho no Mato Grosso do Sul.

12- No fim de tarde, as pessoas se reúnem para tomar tereré

A famosa erva-mate gelada é considerada uma das rainhas da gastronomia local, muito influenciada pelo país vizinho, o Paraguai. É comum no começo do dia ou no meio da tarde encontrar moradores locais reunidos numa boa prosa e compartilhando a cuia com o tereré, como a bebida é chamada por aqui. Aproveite a hospitalidade bonitense e experimente esse ritual tão tradicional da região.

13- Você pode trazer a criançada

Crianças se divertem nas águas do rio Formoso

Há quem pense que Bonito é muito radical e só tem opções para adultos e amantes dos esportes de aventura. Puro engano. A cidade também tem atrações perfeitas para as crianças, como trilhas na mata e banhos de rio e em piscinas naturais. Alguns hotéis têm, inclusive, programação específica para essa faixa etária. O Parque Ecológico Baía Bonita, por exemplo, é um dos destinos mais queridos da garotada, com cama elástica flutuante dentro d’água e um museu de história natural.

14- Os restaurantes servem carnes bem exóticas

Quem gosta de experimentar comidas exóticas vai encontrar, literalmente, um prato cheio em Bonito. É comum por aqui achar nos cardápios opções de carnes de jacaré, javali e javonteiro, uma espécie de porco do Pantanal. A cozinha de Bonito é muito influenciada pela gastronomia pantaneira e paraguaia. Quem curte pratos menos excêntricos, pode se deliciar com os peixes típicos do Mato Grosso do Sul, como pacu, dourado e pintado.

15- Você pode vir somente para descansar


Se você acha que Bonito se resume em aventuras e atividades o dia inteiro, pode mudar de opinião. O lugar também é perfeito para quem quer apenas descansar. Sombra fresca, ar puro, muita natureza e silêncio são alguns dos ingredientes que garantem a tranquilidade de quem precisa relaxar por alguns dias. Alguns hotéis e pousadas oferecem pacotes para quem vem nessa pegada e oferecem serviços como banhos especiais e massagens.

Fonte: http://turismo.ig.com.br

Venha conhecer Bonito com a Agência de Turismo em Bonito Sucuri.

 

 

Adrenalina total pra quem curte rappel é em Bonito

Uma característica dos esportes de aventura ou esportes radicais é a capacidade de causar a aceleração da adrenalina nos participantes. São indicados para quem procura lazer ou uma atividade recreativa muito agradável com altas doses de prazer e energia.

O rappel é um esporte que passa uma grande dose de adrenalina para as pessoas que praticam. Mesmo os mais experiente devidamente aparelhados com os melhores equipamentos de segurança, sentem aquele calafrio na hora que começa a descida de paredões, prédios, buracos, cavernas, cachoeiras e o que mais vier na cabeça. É uma atividade que merece toda atenção e pode ser feita desde que sob acompanhamento de profissionais, utilizando equipamentos em bons estados de conservação e seguindo todas as orientações tecnicas.

O momento mais irado do rappel está nas descidas onde o praticante pode descer manobrando a cadeirinha (equipamento de segurança), caindo de ponta cabeça, girando e fazendo o que mais bem entender (e souber).

O rapel é usado muitas vezes em conjunto com outros esportes, como por exemplo, na escalada, onde o mesmo faz uso da tecnica para retornar com segurança ao chão após vencer o desafio da subida.

Um lugar incrível para os amantes do Rapel é Bonito. Mais do que isso a cidade do interior do Mato Grosso do Sul é um lugar ideal pra quem curte a Natureza e não dispensa uma boa dose de aventura com muita segurança e com guias especializados com grande experiência na área.

Fazer Rapel em Bonito vai muito além do esporte porque o vistante se emociona com os locais dos mais lindos do mundo: Abismo Anhumas e Boca da Onça Ecotour. São dois lugares ímpares que se destacam pela beleza da região.

O Abismo Anhumas é uma das Cavernas mais lindas do mundo, considerada única pelos mais famosos mergulhadores, fotógrafos, repórteres e esportistas renomados e também por muitos guias de turismo que já viajaram ao redor do mundo a trabalho, dirigindo grupos de várias nacionalidades.

Rapel no Abismo Anhumas

A outra alternativa em Bonito é o rapel de descida que acontece ao lado da maior cachoeira do Estado do Mato Grosso do Sul (156 metros), chamada de Boca da Onça. O Rapel é de 95 metros com visual do Rio Salobra. Chegando à Boca da Onça o turista pode optar entre fazer o rapel ou apenas o passeio de trilha com mais sete cachoeiras. Após a descida ou chegada do passeio, é hora de banho no rio e um delicioso almoço no receptivo da fazenda.

Rapel Boca da Onça

 A Agência de Turismo em Bonito Sucuri leva você até o Abismo Anhumas e a Cachoeira Boca da Onça e a muitos outros passeios em Bonito.

Águas cristalinas chamam atenção em Bonito

Descobri uma matéria no Terra sobre Bonito que mostra bem o que é você nadar ou mergulhar numas das águas mais limpas e transparentes do mundo. É incrível mesmo, você vê tudo que tem embaixo dágua, mesmo que esteja a uma profundidade de 5 metros ou mais. As fotos ao lado são da Estância Mimosa. No fim deste post tem outro link para uma galeria de fotos incríveis.

Não há como ignorar o trocadilho: Bonito é realmente muito bonito. A natureza foi ímpar em suas atribuições, e os privilegiados são os turistas, que a cada ano descobrem, no Mato Grosso do Sul, a 278 quilômetros da capital do estado – Campo Grande – esse paraíso. As atrações vão da simples contemplação – que em Bonito ganha um novo sentido – à mais pura adrenalina, especialmente concebida para os adeptos dos esportes radicais.

Bonito fica na Serra da Bodoquena – que abriga a maior extensão de florestas preservadas do Mato Grosso do Sul – e possui o maior aquário natural de água doce do Brasil. As opções de diversão e aventura são inúmeras: trekking, banhos de cachoeiras, grutas de águas cristalinas, como a belíssima Gruta do Lago Azul, flutuação nas correntezas de rios como Sucuri, da Prata e Formoso, rafting, mergulho autônomo (com cilindros de oxigênio), trilhas de bike, rapel, parapente, ultra-leve.

O santuário ecológico ainda preserva uma admirável diversidade de espécies animais e vegetais. O mais impressionante é observar a riqueza que habita o fundo de rios e lagoas. A visibilidade das águas da região, garantida pela alta concentração de calcário, que funciona como agente purificador, permite que o turista desfrute desse privilégio.

O sucesso do turismo em Bonito está intimamente ligado à preservação da natureza. Qualquer passeio nesse santuário é acompanhado por um guia local registrado.

Nesse contexto, foram criados o Parque Ecoturístico da Bodoquena e o Projeto Vivo. O primeiro é uma iniciativa da ONG Instituto Peabiru de Ecoturismo e inclui passeios em canoas canadenses, mountain bikes, cavalos e trekking. Já o segundo, promove trekking, rafting no Formoso, passeios a cavalo e atividades especiais para crianças utilizando papel reciclado e reciclagem de lixo. Ambos são empreendimentos de lazer associados à educação ambiental e procuram mostrar como é possível aliar conservação da natureza, ecoturismo e geração de empregos.

Todos os tipos de aventura em Bonito

Bonito é pouco para adjetivar a cidade de Bonito e tantas maravilhas que encantam os turistas do mundo todo. Na boa, você fica de boca aberta. A natureza fez umma festa em Bonito. A cidade, por si só, apesar de pequena, é muito pitoresca e agradável. Mas o que surpreende são os rios de águas cristalinas repletos de peixes de um colorido abusurdo, grutas, cachoeiras das mais lindas e grandes, fauna riquíssima.

Lugares como as Grutas do Lago Azul, de São Miguel e do Mimoso, o Aquário Natural, os rios Sucuri, do Peixe, Formoso e da Prata, o parque ecológico Boca da Onça com quase 20 cachoeiras. São lugares que podem encher de tranqüilidade aqueles que procuram paz e também proporcionam emoções inesquecíveis para quem está em busca de aventura.

Muitas das belezas de Bonito estão no seu subterrâneo. São inúmeras grutas com lagos profundos de águas cristalinas, em que experientes mergulhadores se arriscam para “desbravar” esse mundo desconhecido. Foi em Bonito, na Lagoa Misteriosa, que o mergulhador Gilberto Menezes de Oliveira atingiu 121m , a maior profundida subaquática registrada em cavernas brasileiras.

Dá uma sacada nessas fotos:

Mergulho na Lagoa Misteriosa de Bonito

Mergulho na Lagoa Misteriosa de Bonito