Arquivos de sites

Contemplando a natureza em Bonito

As belezas de Bonito são conhecidas mundialmente pelo enorme contato com a natureza. A pureza do ar e a sensação de liberdade são únicas na região. E cada atrativo tem uma variante especial que fará você sentir a natureza local. Confira.

BOCA DA ONÇA

As 12 cachoeiras da Boca da Onça encantam qualquer um. As águas cristalinas formam uma imagem inesquecível. E além disso, durante a trilha as cenas naturais vão se renovando a cada passo.

PARQUE DAS CACHOEIRAS

O lugar é simplesmente incrível. As belezas que o Parque das Cachoeiras contém são variadas e você ainda poderá desfrutá-las por tomar banho e contemplar seis belíssimas cachoeiras.

PARQUE ECOLÓGICO RIO FORMOSO (CAVALGADA)

Apreciar a natureza numa cavalgada é uma experiência fantástica. Durante o percurso, você poderá avistar diversos animais como emas, tatus, tamanduás, entre outros. E ao atingir as margens do rio, você poderá desfrutar de uma parada para banho.

Bonito está esperando por você. Venha conhecer! Teremos o prazer em te ajudar! Conheça a Agência Sucuri e saiba mais.

Anúncios

Turismo em Bonito(MS)!

A nossa dica  para uma viagem inesquecível nestas férias de julho é um dos lugares mais lindos do Brasil. Onde é possível fazer mergulhos em águas cristalinas ao lado de cardumes de várias espécies; visitar grutas e formações rochosas que mais parecem cenários de filmes; contemplar a beleza de pássaros e animais exóticos que só vimos no zoológico; fazer rapel; tomar banho de cachoeira e muito mais.

rio sucuri bonito ms

Essa cidade agraciada pela natureza é Bonito. Que está localizada em uma região de belíssimas riquezas naturais, no centro oeste do Estado de Mato Grosso do Sul, chamada Serra da Bodoquena. Considerada a capital do ecoturismo no Brasil ela encanta por suas lindas paisagens formadas por rochas calcárias, nascentes de rios cristalinos, fauna e flora abundantes.

Bonito está estruturada e pronta para receber os turistas do Brasil e do mundo. Tem opção para todos os gostos e bolsos, desde campings,  pousadas e hotéis. Também oferece uma rica gastronomia local com seus restaurantes, bares, lanchonetes, confeitarias e panificadoras. E por fim, não faltará oportunidade  para trazer uma linda lembrança passando pela variedade de ateliês e lojas de artesanato local.

A serra da Bodoquena

A Serra da Bodoquena constitui destacada unidade de relevo localizada na porção centro-sul do Estado de Mato Grosso do Sul, e abrange os municípios de Jardim, Bonito, Bodoquena e Porto Murtinho. Não se trata de uma serra propriamente dita, e sim de um planalto com escarpa voltada para o Pantanal.

O contínuo trabalho da erosão, ao longo de centenas de milhões de anos, cuidaram de dar a forma atual do planalto, mais conhecido como Serra da Bodoquena, onde se situa o município de Bonito. A paisagem é diferente. Nela se desenvolveram imensas cavernas e os seus rios são de águas de incrível transparência.

A natureza na região é privilegiada. E não são apenas os aspectos geológicos que chamam a atenção dos turistas. A flora é exuberante e o visitante tem oportunidade de observar uma diversificada fauna.

Dentre as grutas se destaca a Gruta do Lago Azul. No fundo desta há um lago subterrâneo de mais de 50m de profundidade, que atinge coloração azul intensa com a incidência dos raios solares que penetram pela sua grande entrada. Inúmeras cavidades subterrâneas submersas fazem de Bonito o paraíso do mergulho, atividade que vem atraindo mergulhadores de diversas partes do mundo.

Natureza e Aventura

Bonito oferece os mais diversificados passeios. Tem para todos os gostos. Para você que não tem medo de cobras pode conhecer o Projeto Jibóia. Que consiste numa visitação turística e educação ambiental com a comunidade local. Trabalho de desmistificação das serpentes. Para apresentar um pouco sobre estes animais, seu comportamento e suas características.

Para quem curte o Ecoturismo anota aí os pontos que são paradas obrigatórias: Baía Bonita – Aquário Natural; Boca da Onça Ecotur; Buraco das Araras; Cachoeiras do Rio do Peixe; Estância Mimosa; Fazenda Ceita Corê; Flutuação no Bonito Aventura; Gruta do Lago Azul; Parque Ecológico Rio Formoso; Parque das Cachoeiras; Recanto Ecológico; Rio da Prata e o Rio Sucuri.

Se você é daqueles que tem o espírito mais aventureiro o destino então é, o Abismo Anhumas: o “Buraco”, como é tratado com muita intimidade por seus monitores, é um dos locais mais lindos de Bonito. É onde pode-se dizer, uma verdadeira viagem ao centro da terra – uma descida de 72 m em rapel, por uma fenda na rocha, leva a uma caverna com magníficas formações e um lago de águas cristalinas onde pode-se flutuar e ver reveladas as belezas subaquáticas do lugar. Outra opção é o Bóia Cross: descida por cerca de 1000 metros de Rio Formoso em bóias individuais, num percurso de 40 minutos de água, curtindo a emoção de enfrentar três cachoeiras e duas corredeiras.

Agora se você quiser apenas curtir o por do sol, ficar de papo com os amigos, tomar uma cerveja e degustar o melhor da culinária regional debaixo da figueira a parada é a Praia da Figueira. Sim, a praia de Bonito é de água doce e transparente, com peixes, areia branca, bar molhado, pula-pula, flutuação, scotter, caiaques, biribol, vôlei de areia, frescobool e redário. Tudo acompanhado de muito sol e calor.

Algumas considerações importantes

Como cada passeio tem um número máximo de visitantes por dia, o ideal é efetuar as reservas com antecedência. Todos os passeios são pagos.

Qualquer reserva para os passeios deverá ser efetuada numa agência de turismo local. A agência se responsabilizará pelas reservas, contratação do guia de turismo que irá acompanhá-lo e emitirá uma autorização para realização do seu passeio.

Conforme lei municipal, para visitação dos atrativos turísticos de Bonito é obrigatório o acompanhamento do guia de turismo local credenciado pela EMBRATUR e cadastrado na prefeitura.

O calçado ideal para a realização da maioria dos passeios é o tênis. Para a realização dos mergulhos autônomos é obrigatório ter curso de mergulho. O protetor solar e o repelente não poderão ser utilizados em alguns atrativos para a conservação das águas e peixes. Todas as estradas que dão acesso aos passeios são de terra. As agências de turismo da cidade oferecem serviço de locação de carros e vans. As condições atmosféricas podem impedir ou dificultar a realização de alguns passeios. O que levar: além de muita disposição, são indispensáveis roupa de banho, boné ou chapéu de palha, mochila, tênis, camisetas, shorts, moletom, capa de chuva, protetor solar, repelente, máquina fotográfica, câmera filmadora e agasalho no inverno.

Saiba mais sobre nosso Paraíso Ecológico!!!

http://www.agenciasucuri.com.br

(67) 3255 3994
contato@agenciasucuri.com.br

 

gruta de são miguel

Turismo em Bonito(MS)!

Um lugar onde o turista vai redescobrir a doce convivência com o mato, a água, as belezas naturais.
A cidade de Bonito, no Mato Grosso do Sul, é um desses paraísos que os turistas devem incluir em seus roteiros de viagem. Cachoeiras, trilhas, grutas profundas e corredeiras de rios cristalinos esperam o viajante. As atrações podem ser visitadas com guias especializados e autorizados.

Em Bonito não há uma época certa para visitação. A primavera e o verão são quentes e úmidos, com chuvas esparsas que enchem os leitos dos rios. Já no outono e no inverno chove uma vez ou outra, o céu está sempre azul e as noites são estreladas e geladas. A temperatura média é de 22°.
Para os turistas que querem curtir a natureza há variadas opções tanto de dia quanto à noite. Em alta temporada, diversas festas são organizadas. Em julho temos o Festival de Inverno, em novembro o Festival da Guavira, sem falar nos nossos bares e restaurantes famosos pela estrutura e gastronomia que apresentam . Há também passeios noturnos como o do Rio Sucuri e do Rio Formoso. Este último, entretanto, só pode ser realizado em noite de lua cheia.

Em Bonito, o turista vai descobrir um mundo totalmente diferente daquele que as pessoas estão acostumadas. É preciso ter curiosidade, espírito aventureiro e um certo preparo físico se desejar fazer os passeios que existem por lá.
Para você fazer bonito
E já que você chegou à cidade, é hora de aproveitar para conhecer as maravilhas do lugar. O Magazine Anastra selecionou alguns deles. Anote aí.

Cachoeiras do Rio Peixe
É imperdível e obrigatório para quem se abalou de sua cidade para conhecer a região. O passeio consutma durar, em média, umas duas horas de trechos com cachoeiras lindas e piscinas naturais. A Cachoeira pertence à Fazenda Água Viva. Para chegar ao local você percorre 35 km pela estrada para Bodoquena.

Snorkelling no Rio Sucuri
Prepare as nadadeiras e a máscara para permanecer na linha da água observando o fundo e respirando pelo snorkel (tubo ou canudo). Você irá mergulhar, literalmente, em um mundo de águas cristalinas com incrível vegetação aquática e peixes coloridos. O acesso é pela estrada para São Geraldo (20 km).

Rafting do Rio Formoso
Passeio feito em botes de borracha por um percurso de sete quilômetros com três corredeiras. O passeio termina na Fazenda Porto Belo. Mas se você é daqueles aventureiros mesmo, aproveite para fazer o rafting noturno, claro, acompanhado de guias. O acesso é pela estrada para Ilha do Padre (12 km), em um percurso de 8 km até a Ilha do Padre, passando por três cachoeiras e duas corredeiras. Distância: 10 km. Os passeios duram, em média, meio dia.

Snorkelling no Aquário do Rio Baía Bonita
Ops, tire da mochila novamente as nadadeiras e a máscara. É hora de cair em outro rio cristalino que forma um lago. E haja perna. A flutuação é feita por 900 metros, mas com tanta beleza você nem vai perceber o tempo passar. O acesso é pela BR-267 em direção à cidade de Jardim.
Recanto Ecológico do Rio da Prata
E por falar em pernas, quem gosta de caminhar encontrou o lugar perfeito. As trilhas no Recanto levam até a nascente do Rio Olho D Água, com águas incrivelmente cristalinas. O recanto localiza-se na Fazenda Cabeceira da Prata. Para chegar ao local pegue a BR-267 e chegue à cidade de Jardim, onde deverá percorrer mais 33 km até a fazenda.

Abismo de Anhumas
Essa é mesmo para quem curte aventura e está preparado para isso. O rapel de 72 metros por uma fenda na rocha leva a uma caverna com magníficas formações e um lago de águas cristalinas, onde a flutuação revela a beleza subaquática do lugar. É obrigatório um treinamento antes da descida para quem quer fazer rapel. Para quem quiser fazer mergulho autônomo é necessário credencial. O rapel negativo (feito sem o contato dos membros inferiores com qualquer tipo de “meio” como pedra, parede etc) termina em um lago gelado. O acesso é pela estrada para Campos dos Índios (22 km) na Fazenda Jaraguá.

Gruta Lago Azul – Considerada o cartão postal da cidade de Bonito a Gruta do Lago Azul é um passeio contemplativo e histórico que tem início com uma caminhada de aprox. 300m até a entrada da caverna, onde já se pode ter uma idéia de sua beleza. Descendo aprox. 200m por uma escadaria cavada na terra, avista-se um lago que encanta pelas águas de tom intensamente azuladas e belíssimas espeleotemas de milhares de anos. O receptivo oferece bar e restaurante, sanitários e loja de souvenires. OBS: Uso obrigatório de tênis. Duração: 1h e meia. Distância: 20 km.

Bike Tour no Rio Sucuri
Localizado na Fazenda São Geraldo, o passeio de bike do Rio Sucuri dura cerca de duas horas. O turista observa animais e a mata da região. No final pode-se cair em uma deliciosa cachoeira.

Circuito Arvorismo
É preciso ter um perfil acrobático para praticar essa modalidade. É feito um percurso aéreo de 350 metros sempre na copa das árvores, com montagem de 12 obstáculos tais como: tirolesa, passarelas, pontes e diferentes atividades suspensas, através de cordas, colocadas de maneira estratégica para proporcionar a cada participante uma boa dose de emoção e desafio. Tudo com muita segurança.

Rapel na Boca da Onça
Sabe quando dizem, nunca faça isso na sua casa?? Se você tem coragem e treinamento, tudo bem, mas para você que estiver, digamos, indisposto na hora, não se preocupe, sentirá adrenalina só de pensar na descida de 90 m em paredão vertical. O ponto de partida é uma ponte de 34 metros de comprimento que se projeta no abismo, proporcionando uma vista deslumbrante sobre o canyon do Rio Salobra.

Mergulhos
Rio Formoso – Profundidade aproximada de 5 metros, formação calcária e milhões de bolhas de uma cachoeira. E peixes, muitos peixes para você admirar. Um passeio com duração aproximada de 45 minutos.
Rio da Prata – Profundidade aproximada de oito metros, maior quantidade de vida marinha, água transparente. Agrada até os mais experientes mergulhadores. Duração do passei: aproximadamente 1h.
Praia da Figueira – Lago formado por antigo ambiente de praia artificial. Lá estão um barco e um avião submersos. Existe ótima infra-estrutura que permite total segurança. Profundidade média de seis metros.

Rota Boiadeira – Passeio de Quadriciclo
O passeio é feito em quadriciclos de 100 cilindradas, que possuem acelerador e freio, com modelos que possuem marchas e outros automáticos. Um instrutor experiente treina e acompanha o turista no passeio. A trilha é realizada em torno de uma fazenda, passando por trajetos íngremes, com pedras e buracos, no meio da mata, totalizando sete quilômetros. Duran, aproximadamente, 1h30.

Bóia Cross
Primeiro você faz uma caminhada pela mata ciliar, depois vem a aventura nas corredeiras do Rio Formosinho em bóias individuais. A água cristalina permite que você veja os peixes e o leito do rio com a mesma facilidade com a qual vê a fauna e a flora da mata ciliar.

Quem sai de São Paulo deve pegar a Rodovia Castelo Branco até a cidade de Ourinhos. A partir daí, segue pela Rodovia Raposo Tavares até Bataguassu, já no Mato Grosso do Sul. Aqui, vá BR-267 até Guia Lopes da Laguna. O último trecho (cerca de 28 km) já está asfaltado. Ao todo, sem paradas longas, são 16 horas de viagem. Quem sai do Rio de Janeiro, deve ir pela Via Dutra até São Paulo. A partir daí o caminho é o mesmo descrito acima.
De avião, vá até Campo Grande. Depois disso, só de carro ou táxi-aéreo. A cidade fica distante 330 km da capital.

Informações:
Turismo em Bonito: (67) 3255-1420
O que levar
– Boné
– Cantil
– Malha
– Máquina fotográfica
– Máscara e snorkel
– Mochila
– Roupa de neoprene (fundamental para atravessar as águas frias e manter o corpo flutuando nos rios)
– Tênis para trekking
– Repelente
– Protetor solar

Para não fazer feio em Bonito
Você está imerso na natureza. Veja as dicas do Magazine Anastra.
– Cuidado com a perigosa aranha armadeira. Se você vir alguma aranha, comunique o guia e se afaste do local;
– Cuidado também com as sucuris;
– Não beba água dos rios locais, que por serem ricas em magnésio e calcário, podem causar desarranjos intestinais;
– O fuso horário da região é uma hora a menos que em Brasília;
– É proibido mergulhar com protetor solar ou qualquer tipo de loção protetora;
– Para não errar na comida, peça o pacu assado recheado com farofa, é uma das maiores atrações gastronômicas da região;
– Os sanduíches naturais também são bem comentados entre aqueles que vão praticar rapel no Abismo de Anhumas;
– A cidade tem várias opções de hospedagem. Acesse o site http://www.veredasbrasil.com.br e escolha uma delas. A maioria das pousadas possui ar-condicionado nos quartos. Um detalhe: as pousadas não vendem cigarros.
– Os passeios têm limite no número de pessoas, então o turista precisa se programar com antecedência. Além disso, é necessário levar dinheiro na carteira. Os preços dos passeios variam entre R$10,00 e R$65,00, sendo que o rapel e mergulho autônomo possuem maiores. Importante: o transporte até o passeio não está incluído nesses valores.
– Você vai precisar de carro para se locomover. Por isso, ou vá de carro ou vai ter que pagar táxi ou vans.

Para crianças
Qual criança não gosta de água? E qual não curte a brincadeira gostosa de poder flutuar e ver os peixinhos de todas as cores e espécies? Pode ter certeza que seu pimpolho se sentirá no paraíso. Há vários passeios permitidos e seguros. Rio da Prata, parques ecológicos e cachoeiras são boas pedidas para você levar seu filho. Prepare-se para ver o sorriso bonito das crianças. A diversão vai ser imperdível

Saiba mais sobre as riquesas naturais de Bonito(MS)
http://www.agenciasucuri.com.br
(67) 3255 3994
E-mail: contato@agenciasucuri.com.br

Cachoeiras em Bonito(MS) – Rio do Peixe e Boca da Onça

Localizado na Serra da Bodoquena, o município de Bonito não tem esse nome por acaso. Os passeios em Bonito(MS) possuem os rios com águas cristalinas que são como aquários repletos de peixes, uma organização turística que dificilmente se encontra em outros pontos turísticos, em Bonito; Mato Grosso do Sul, você não apenas contempla a paisagem, mas interage com ela o tempo todo. A região conta ainda com um conjunto tão impressionante de cachoeiras e cavernas de calcário que, para a maioria dos visitantes, o mais coerente seria uma denominação entre o lindo e o maravilhoso. São inúmeras riquesas naturais que os turistas ficam em dúvidas sobre quais atrativos conhecerem. Dentre as cachoeiras de Bonito(MS) duas destacam-se: O Rio do Peixe e Boca da Onça.

No Rio do Peixe o turista percorre uma fascinante caminhada na Fazenda Água Viva, num dos cenários mais belos e paradisíacos da região. A primeira etapa do passeio tem percurso de aproximadamente 1.600m e passa por várias cachoeiras ornamentais, piscinas naturais e pequenas grutas submersas. No caminho observa-se uma fauna atraente com macacos, araras, tucanos, entre outros. Na sede da fazenda é oferecido um delicioso almoço sul-mato-grossense que é o melhor almoço de todos os atrativos de Bonito(MS) e após um merecido descanso o passeio continua por mais um percurso de 800m que passa por mais 3 pontos de banho. Um delicioso lanche é servido no final da tarde acompanhado de “causos” contatos pelo proprietário da fazenda.

Já no Boca da Onça além da trilha ecológica em mata preservada, através da qual se podem ver onze cachoeiras, inclusive a famosa Cachoeira Boca da Onça, a mais alta do Mato Grosso do Sul, com 156 metros, é possível realizar o rapel na Boca da Onça, uma descida de 90 metros de altura sem apoio dos pés nas rochas, de onde se vê o belíssimo Cânion do Rio Salobra; o que torna o passeio diferenciado e com mais aventura.

Além disso, há o canionismo pelo Rio Salobra, que é a observação da fauna e da flora da Serra da Bodoquena percorrendo o rio através do cânion de rocha calcária. Ao final deste passeio, flutua-se por três quilômetros, passando por cinco quedas d´água. A Boca da Onça também oferece o cicloturismo, com roteiro de aventuras que podem ser escolhidos por: completo (40 km), contemplação (25 km), sem pressa (15 km), light (10 km), e só descida (6 km). Para visitantes com dificuldade de locomoção ou pouca disponibilidade de tempo, um passeio na Oncinha é o ideal. A Oncinha é uma jardineira que leva até a plataforma do rapel, o quiosque, uma piscina natural e outros locais de interesse do visitante. Na volta ao receptivo, um almoço típico de fazenda aguarda os turistas, e para descansar, pode-se ir ao terraço apreciar a vista do local, ou ao redário cochilar. O receptivo e as piscinas são adaptados a portadores de deficiência. Distância de Bonito MS: 55 km

Saiba mais sobre essas e outras belezas de Bonito(MS)
www.agenciasucuribonito.com.br
(67) 3255 3994
E-mail: contato@agenciasucuri.com.br

Cachoeiras em Bonito (MS) – Maravilhas escondidas nesta pequena cidade.

Boca da Onça – Bonito (MS)
O passeio se inicia com uma caminhada por trilha, num total de 5.560 metros, em meio da mata inteiramente preservada, as cenas magníficas renovam-se a cada passo, passando por 12 belas cachoeiras cristalinas. E para os praticantes e apreciadores radicais, uma descida em rapel, repleta de adrenalina em um paredão vertical de 90 metros de altura. Terminando a caminhada pelas trilhas ou rapel, chega à hora de um merecido descanso no receptivo. E um delicioso almoço no fogão à lenha. Não se pode resistir: são duas piscinas com água corrente, cachoeiras e hidromassagem. Sendo a Cachoeira Boca da Onça, com 156 metros de altura, a mais alta do Estado do Mato Grosso do Sul e uma das mais espetaculares do Brasil. Sua distância é de 58 km com duração o dia todo.

ESTÂNCIA MIMOSA – BONITO MS

Caminhada por trilha de 3000m pela mata ciliar do Rio Mimoso em meio às árvores centenárias e animais silvestres, com sete paradas para banho em suas piscinas naturais, sendo que uma parte do percurso é percorrida com barco a remo. Há diversos mirantes com visões panorâmicas da Serra da Bodoquena.

Duração: meio dia Distância: 23 km

CEITA CORÊ – BONITO MS

Na língua tupi-guarani “Terra de meus filhos”. O dia se inicia com um delicioso lanche da manhã, em seguida uma caminhada pela floresta, em meio a árvores centenárias e animais silvestres em seu habitat . Onde o visitante poderá resfrescar-se em poções de vários tamanhos e mergulhar em piscinas naturais formadas por cachoeiras de águas cristalinas, que tornam o passeio inesquecível para qualquer idade. Após tanta diversão nas trilhas e cachoeiras, estaremos esperando por você com um delicioso almoço sul-mato-grossense e à tarde, o visitante realiza um passeio de barco por um lago totalmente cristalino, até a nascente do Rio Chapena. Com duração o dia toda e distância de 36 Km.

RIO DO PEIXE – BONITO MS

Uma fascinante caminhada na Fazenda Água Viva, num dos cenários mais belos e paradisíacos da região que permite observar diversos animais e árvores. Passa-se por várias cachoeiras ornamentais, piscinas naturais e pequenas grutas submersas. Na sede da fazenda é oferecido um delicioso almoço sul-mato-grossense e lanche no final da tarde. Sua duração é o dia todo com distância de 33 km.

PARQUE DAS CACHOEIRAS – BONITO MS

O passeio começa com uma caminhada por trilha ecológica na mata ciliar do Rio Mimoso, observando os encantos da fauna e flora local. Durante o percurso pode-se tomar banho e contemplar seis belíssimas cachoeiras formadas por tufas calcárias, cada uma com sua beleza e encanto, além de pequenas cavernas, piscinas naturais e carretilha. O passeio dura meio dia com distância de 17 km

Mais Informações: www.agenciasucuri.com.br

Roteiros de aventura – Bonito(MS)

O melhor destino de ecoturismo do Brasil, Bonito, no Mato Grosso do Sul, faz jus ao nome que tem. Belíssimas cachoeiras, trilhas verdes, grutas profundas e corredeiras de rios cristalinos são algumas das atrações a serem exploradas nessa região a 330 km de Campo Grande. Dentre tantas maravilhas que Bonito dispõe, dentre inúmeros roteiros buscados; os roteiros de aventura são com certeza os roteiros mais procurados na cidade. Confira uma lista dos roteiros de aventura de Bonito(MS)

Abismo Anhumas – Bonito(MS)
Uma caverna situada no subsolo onde o único acesso se faz através do rapel negativo com descida de 72m. A profundidade do lago varia de 15m a 80m, onde pode ser praticado flutuação ou mergulho autônomo (para quem tem credencial de mergulho básico). Obs. O treinamento no dia anterior é obrigatório. Sua duração é de meio dia com distância: 20 km.

Passeio de Bote – Bonito(MS)
O passeio é realizado em botes infláveis por um dos principais rios da região, o Rio Formoso, em um percurso de 6 km, passando por três cachoeiras e duas corredeiras e uma parada onde o visitante poderá se banhar e também se divertir muito. E contemplando animais e aves silvestres às margens do rio até o desembarque na Ilha do Padre que possui vários decks e cachoeiras para banho. Duração: meio dia – Distância: 12 km

Bike Tour Rio Sucuri – Bonito(MS)
Localizado também na Fazenda São Geraldo, o passeio de bike possui aproximadamente 15 km de extensão em meio à mata fechada é possível observar animais da região, no final do percurso há uma parada, para um delicioso banho em uma das cachoeiras. Duração: 02:00 hs Distância: 18 Km

Circuito Arvorismo Hotel Cabanas – Bonito(MS)
O Cabanas Arvorismo do Hotel Cabanas consiste num percurso completo de 300 metros de extensão com altura variando de 4,0 a 15,0 metros do solo. Ao todo são 18 estações diferentes, além de duas tirolesas, sendo a última uma tirolesa aquática no Rio Formoso. Antes do início do passeio haverá um breve treinamento para familiarizar o cliente com os equipamentos e com o percurso. O passeio é indicado para crianças a partir de seis anos e adultos que tenham boas condições físicas e peso máximo de 120kg. O vestuário ideal é usar tênis, calça ou bermuda e camiseta que possam molhar. Também será necessária sandália para retorno, uma troca de roupa, toalha, repelente e elástico para prender cabelo. Sua duração é meio dia com distancia de 07 km

Rappel na Boca da Onça – Bonito(MS)
O rapel Boca da Onça é pura adrenalina e emoção. Considerado o mais alto rapel de plataforma do Brasil com uma descida de 90 metros de altura. O Cânion do Rio Salobra é o cenário perfeito para a prática do rapel. Considerado um rio cênico protegido por lei e um dos berçários dos peixes do Pantanal. Os paredões do Cânion são maravilhas formações rochosas esculpidas há milhões de anos pela força da água e abrigam grutas inexploradas e locais desconhecidos. Para evitar o desgaste das rochas calcárias, a operação do rapel é feita em negativo – sem o apoio dos pés na pedra. Duração: Dia todo Distância: 60 Km

Bóia Cross – Bonito(MS)
Uma pequena caminhada em trilha suspensa na mata ciliar leva até o ponto inicial do passeio, uma emocionante aventura nas corredeiras do Rio Formoso em bóias individuais, num percurso de aprox. 1.200m enfrentando três cachoeiras e duas corredeiras. Além de se divertir muito, o visitante tem a oportunidade de contemplar a beleza natural de suas águas cristalinas, fauna e flora. Duração: 1 hora – Distância: 07 km

Quadriciclo Rota Boiadeira – Bonito(MS)
O passeio será realizado em quadriciclos de 150 cilindradas, freio a disco, suspensão a gás, partida elétrica e aro 10, com isso oferecemos conforto e diversão garantida. Equipamentos de segurança como capacete e toca higienizada estão inclusos no valor. Duração: 1h e meia.

Venha se aventurar você também!
Faça já sua reserva!
(67) 3255 3994
www.agenciasucuri.com.br
E-mail: reservas@agenciasucuri.com.br